Goianésia, GO
Bom dia - terça, 21 de janeiro de 2020
 
 
Goleiro Bruno tem propostas e pedirá à Justiça para voltar a jogar
Mais Goiás - 14/08/2019

O goleiro Bruno Fernandes, 34, pode voltar ao futebol. Segundo o escritório de advocacia que representa o jogador –condenado em 2013 pelo assassinato de Eliza Samudio e atualmente no regime semiaberto-, o ex-goleiro do Flamengo recebeu propostas de alguns clubes. Entre eles está o Poços de Caldas FC.

“Antes de qualquer contrato ser formalizado, será feito um pedido formal ao juiz da execução penal, em obediência à lei”, disse o escritório Mariana Migliorini Advogados e Associados, que confirmou ter ocorrido uma reunião entre o clube e o jogador nesta terça-feira (13).

“Falta a parte da Justiça e detalhes em termos de valor”, disse Paulo César Silva, presidente do Poços de Caldas.
A informação sobre a proposta do Poços foi inicialmente divulgada pelo Jornal Mantiqueira, da cidade, e confirmada pela reportagem com os representantes legais do ex-atleta.
Em razão da agenda de viagens da advogada, a requisição à Justiça deve ser protocolada apenas na quarta-feira (14).

Segundo os representantes, ele também teve propostas de outras equipes. Eles não informaram por qual time o goleiro deseja atuar. Atualmente, o Poços de Caldas disputa a terceira divisão mineira, que só começa em 2020.

A reportagem não conseguiu contato com o clube até a publicação deste texto. Nas suas redes sociais nesta terça, o Poços de Caldas fez mais de uma postagem com tom enigmático. “Nosso trabalho é um trabalho social dando oportunidade para todos. Em breve estaremos anunciando uma grande contratação”, diz um texto no Facebook.

 

 




Espalhe:

http://itaja105.com.br/n/19793




Leia também...

26/12/2019 Bancos funcionam nesta quinta (26) e fecham nos dias 31 e 1º
26/12/2019 Procon Goiás alerta para troca de presentes
17/12/2019 INSS: veja calendário de pagamento de aposentadorias e pensões de 2020
17/12/2019 Bolsonaro culpa ‘monopólio’ e ICMS por preço de combustível
17/12/2019 Deputado pede vistas, e aprovação do relatório da CPI da Enel fica para outro dia
16/12/2019 Governo quer leiloar 44 ativos de infraestrutura em 2020, diz ministro
16/12/2019 Receita deposita nesta segunda-feira a restituição do 7º lote do IRPF
16/12/2019 Lissauer Vieira e Caiado anunciam retirada da alíquota da PEC da Previdência